Recents in Beach

header ads

FCecon inicia preparativos para o 5º Congresso Pan-Amazônico de Oncologia

A Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Saúde (Susam), realizou, nesta quarta-feira (12/02), uma reunião para definir os preparativos para o lançamento do 5º Congresso Pan-Amazônico de Oncologia, que será realizado de 17 a 20 de setembro. O encontro ocorreu no auditório João Batista Baldino, localizado no 3º andar da unidade hospitalar, que é referência na região Norte no tratamento de neoplasias.
FOTO: DIVULGAÇÃO
Com a participação do corpo clínico, técnico e pesquisadores, a reunião serviu como lançamento oficial do congresso, apresentação dos eventos que ocorrem simultaneamente, logo do congresso, infraestrutura, formas de parceria e patrocínio, etc. Pela primeira vez o congresso contará com um tema central, que será ‘Assistência Integrada em Oncologia: redefinindo a abordagem ao paciente’.
O Congresso Pan-Amazônico de Oncologia ocorre a cada dois anos, e tem como objetivo fomentar a discussão e o aprimoramento técnico de profissionais da região Norte que atuam na área de saúde, principalmente na assistência ao paciente oncológico. O evento comporta debates de temas atuais, além de ter caráter multi e transdisciplinar, abordando a prevenção, o diagnóstico, o tratamento, os cuidados paliativos, além da ética e bioética.
Conforme a diretora de Ensino e Pesquisa da Fcecon (DEP/FCecon) e presidente do Congresso, Kátia Luz Torres, a escolha pelo tema teve como objetivo direcionar as discussões sobre humanização e ao tratamento do paciente de forma mais específica. “Significa não tratar a neoplasia como algo isolado, mas que o paciente precisa ser acompanhado e compreendido em todas as suas particularidades”, frisou.
FOTO: DIVULGAÇÃO
Público – Estima-se a participação de cerca de 1.200 congressistas, entre palestrantes, pesquisadores, professores, técnicos e acadêmicos, conforme Kátia Torres. Ela explicou que se trata do maior congresso de oncologia da região Norte, por isso o corpo de palestrantes será composto por renomados profissionais de nosso estado, além de conferencistas de outros estados e do exterior.
O diretor-presidente da FCecon, mastologista Gerson Mourão, destacou que durante o congresso a intenção é aglutinar todas as instituições públicas e privadas do estado que trabalham em ações de combate ao câncer, que é apresentar os avanços obtidos no tratamento da doença e propor soluções que possam ser adotadas pelas instituições parceiras. “Não se trata de um evento da Fundação Cecon, mas um evento contra o câncer”, pontuou.
Palestra magna - Será proferida pela médica formada pela Universidade de São Paulo (USP), Ana Cláudia Quintana Arantes, que trabalha com cuidados paliativos e é autora do livro ‘A morte é um dia que vale a pena viver’, além de ser coautora das obras Cuidado Paliativo do CREMESP (2008) e Manual de Cuidados Paliativos – ANCP (2009 e 2012). 
Estandes – Ampliou-se o número de stands disponíveis de 10 para 15, onde as empresas poderão apresentar seus produtos e serviços. A FCecon também contará com um estande, em que apresentará as ações desenvolvidas sobre prevenção, diagnóstico e tratamento contra o câncer. 
Estimativa – Para o biênio 2018-2019, o Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima 600 mil novos casos de câncer para cada ano, com os cânceres de próstata, pulmão, mama feminina, cólon e reto entre os mais incidentes.